GREVE CONTRA SALÁRIOS EM ATRASO NA PINTO E BENTES

GREVE CONTRA SALÁRIOS EM ATRASO NA PINTO E BENTESOs trabalhadores da Pinto e Bentes, em Ponte de Sôr e em Mem Martins, estiveram em greve, na passada sexta-feira, pelo pagamento dos salários em atraso. A greve contou com a adesão de 99% dos trabalhadores e foi a forma que estes encontraram para demonstrar à administração que, mais que palavras, é necessário agir e tomar medidas para que o pagamento dos salários seja uma prioridade.

 

Actualmente os trabalhadores da Pinto e Bentes têm em atraso uma parte do vencimento de Fevereiro e o vencimento de Março, no entanto há longos meses que a a administração da Pinto e Bentes não cumpre com a sua obrigação de pagamento pontual da retribuição, pagando o salário em duas ou mais prestações ao longo do mês. Situação ilegal e injusta para quem trabalha todo o mês e que vê mês após mês a sua vida piorar por um incumprimento de um direito básico.

A Pinto & Bentes é uma empresa do ramo das instaladoras eléctricas e tem como principais cliente a Visabeira para quem realiza trabalhos contratados pela EDP, assim como várias Câmaras Municipais.

O Sindicato das Indústrias Eléctricas do SUL e Ilhas considera a situação insustentável e irá pedir a intervenção do Ministério do Trabalho no sentido de esclarecer porque motivo o pagamento dos salários não está a ser uma prioridade.

Está em... Home Acção Reivindicativa GREVE CONTRA SALÁRIOS EM ATRASO NA PINTO E BENTES