EL CORTE INGLÊS DISCRIMINA TRABALHADORES

EL CORTE INGLÊS DISCRIMINA TRABALHADORESO CESP denunciou, no passado dia 12, a prática discriminatória no El Corte inglês. Os aumentos de salariais não são iguais para todos, há trabalhadores com 10, 11 ou 12 anos a receberem praticamente o mesmo valor de quem inicia a carreira na empresa. O subsídio de alimentação nunca foi revisto, desde a abertura da loja, em 2001, até hoje. O El Corte Inglês atingiu um volume de negócios de 429 milhões de euros em Portugal, com resultados que ultrapassaram os 19 milhões (fonte Jornal Económico). 

Os lucros são destinados somente e exclusivamente para os accionistas e para a renovação das zonas comerciais. Está instalado um ambiente de terror junto dos trabalhadores, através da instauração de processos disciplinares abusivos e falsos, o medo é constante. Os trabalhadores sofrem ataques de pânico e ansiedade, motivados pelo ambiente que se vive naquele local de trabalho, que exige ao mesmo tempo que dos trabalhadores simpatia e a fidelização dos clientes.

Está em... Home Acção Reivindicativa EL CORTE INGLÊS DISCRIMINA TRABALHADORES