Trabalhadores da SCOTTURB Vão Para Greve

No dia 24 de Maio, os trabalhadores da SCOTTURB decidiram realizar uma greve de 24 horas. Esta luta foi decidida no plenário pelos trabalhadores e apoiada pelo Sindicato dos Trabalhadores Rodoviários e Urbanos de Portugal (STRUP). A SCOTTURB é uma empresa do sector rodoviário privado de passageiros, que opera nos concelhos de Oeiras, Sintra e Cascais, embora neste concelho, de acordo com a informação da Câmara, a actividade da empresa cesse ao final do dia 24 de Maio, passando no dia a seguir para uma outra empresa, nos termos do concurso público municipal, que a SCOTTURB contestou em tribunal e que de acordo com a informação que divulgou, terá ganho o processo, mas até ao momento não informou os trabalhadores qual a situação a partir de 25 de Maio.

A SCOTTURB convive mal com a democracia e o direito à liberdade sindical. Os trabalhadores não aceitam a discriminação exercida no que se refere ao pagamento de créditos vencidos em função da opção sindical de cada trabalhador. A Greve tem como principais reivindicações: A exigência de pagamento de créditos vencidos a todos os trabalhadores, sem qualquer discriminação entre sindicalizados ou não sindicalizados, ou em função da sua opção sindical; a valorização dos salários que a gerência recusa negociar; o esclarecimento relativamente ao futuro da empresa no Concelho de Cascais a partir de dia 25 de Maio e o que acontecerá dos trabalhadores que asseguram a operação neste concelho.