Trabalhadores manifestam-se contra despedimento colectivo na ALTICE

Solidariedade Com a Luta dos Trabalhadores da ALTICE, Contra o Despedimento Colectivo.

Cerca de 2 000 trabalhadores manifestaram-se, no dia 21 de Julho, em Lisboa contra o despedimento colectivo na ALTICE e exigiram a intervenção do governo, para parar mais este ataque contra os trabalhadores e contra os interesses do País.

Esta acção de luta, que decorreu durante a greve hoje realizada e que teve uma elevada adesão, começou em frente à sede da empresa, nas Picoas em Lisboa e deslocou-se depois para o MIH – Ministério das Infraestruturas e da Habitação e posteriormente para o MTSSS – Ministério do Trabalho, da Solidariedade e da Segurança Social, em cujos ministros foi delegada, pelo primeiro-ministro, a responsabilidade para reunir com as organizações de trabalhadores.

Durante o desfile, sob um sol tórrido os trabalhadores gritavam palavras de ordem ..” a Luta não nos cansa, queremos a mudança”, os trabalhadores querem trabalhar e por isso reclamam.. “Trabalho Sim, despedimentos não”.

Nas diversas intervenções foram denunciados todos os contornos deste despedimento criminoso, lesivo dos interesses dos trabalhadores e do País e afirmado que a luta vai continuar.

A ALTICE  é uma empresa que apresenta lucros e que depois vai contratualizar serviços para substituir estes trabalhadores por outros com piores condições de trabalho. Esta é, pois uma luta que exige e merece o nosso apoio e solidariedade, como consta na saudação enviada pela União dos Sindicatos de Lisboa-CGTP-IN.

Só após esta manifestação e a greve, hoje foi agendada, uma reunião com o Secretário de Estado das Comunicações, com as organizações de trabalhadores da ALTICE (por videoconferência), para amanhã dia 23, às 10 horas, o que prova que se não fosse a luta dos trabalhadores o Governo não tinha tomado qualquer iniciativa para travar o Despedimento Colectivo.

 

Privacidade

Está em... Home Emprego Trabalhadores manifestam-se contra despedimento colectivo na ALTICE