A Interjovem Está na Rua e nas Empresas!

A dinâmica de mobilização dos jovens trabalhadores está na rua, nas empresas e locais de trabalho. com vista a uma grande participação para o dia de luta nacional de 25 de Marco!

Esta acção realiza-se em torno do dia da Juventude - 28 de Marco - muitos jovens trabalhadores de diferentes sectores de actividade estão a mobilizar para o dia 25 de Marco, quinta-feira, um dia de luta nacional dos jovens trabalhadores, com manifestações em Lisboa, no Campo Pequeno e no Porto, na Praça dos Poveiros, sob o lema "+Emprego, +Salário, +Estabilidade com coragem e confiança. Lutar pelos nossos direitos!"

Os ataques e a exploração a que os jovens trabalhadores têm sofrido e que se tem intensificado à boleia do surto epidémico, comprovam a necessidade de umas medidas concretas por parte do Governo e das entidades patronais no sentido de responder aos problemas da juventude trabalhadora. 
promovendo o emprego estável e com direitos, que ponha termo à instabilidade laboral e desvalorização salarial, para que os jovens não sejam obrigados a emigrar, quando fazem falta ao país.

A Interjovem está a desenvolver acções que vão desde o contacto nos locais de trabalho prioritários, a pinturas de faixas e murais, estes são alguns exemplos acções na rua.  Nas empresas prioritárias, organizam-se plenários de trabalhadores e discute-se formas de participação na manifestação a partir da marcação de pré-avisos de greve, por forma a possibilitar a participação dos jovens trabalhadores.
Só a luta pode travar a precariedade, a grande chaga social, que atirou para o desemprego mais de 70000 jovens, não é justo e não é inevitável!