COMEMORAÇÕES DA CGTP-IN DO CENTENÁRIO DO NASCIMENTO DE ÁLVARO CUNHAL

sessao_cgtp_alvarocunhal

Álvaro Cunhal teve um papel muito importante na estratégia para a construção de um movimento sindical unitário e na preservação das características determinantes da sua natureza de classe, democrática, de massas, unitária e independente, intervindo na luta do presente contra a politica de direita e por uma sociedade liberta da exploração. O pensamento e obra de Álvaro Cunhal é intemporal e de uma grande actualidade. O seu dedicado empenho ao estudo do sindicalismo, a forma como abordou a vida as dificuldades e a luta dos trabalhadores, e também o facto de se tratar de um combativo e corajoso antifascista, tem levado a que muitos trabalhadores, dirigentes e activistas sindicais, tenham marcado presença nas várias iniciativas realizadas no âmbito do Centenário de Álvaro Cunhal. 

Ler intervenções de Arménio Carlos e de Fernando Gomes.

 

No dia 4 de Abril a CGTP-IN associou-se às comemorações do centenário do seu nascimento com a realização de uma Sessão pública que reuniu dirigentes sindicais (actuais e antigos), personalidades e responsáveis de diversas instituições e organizações no auditório da central sindical. Arménio Carlos na sua intervenção salientou o apelo feito por Álvaro Cunhal para a consolidação da unidade do Movimento Sindical Unitário, citando palavras deste no comício do 1º de Maio. A União dos Sindicatos de Lisboa marcou uma forte presença no Porto, no dia 4 de Maio, através de participação organizada de dirigentes, activistas sindicais e membros das organizações representativas dos trabalhadores. A Conferência sob o lema “Álvaro Cunhal, organização e luta dos trabalhadores que teve lugar no auditório principal da Fundação Eng.º António de Almeida.