Reabertura Presencial do Ensino Superior e Investigação Tem de Respeitar a Segurança Sanitária, a Saúde Pública, as Leis e a Equidade

A FENPROF reuniu com vista a analisar a situação nas instituições de ensino superior públicas (universidades e institutos politécnicos) e unidades de investigação relativamente ao regresso progressivo à actividade presencial.

Para a federação e os seus sindicatos, a prioridade tem de ser dada à saúde pública. Não descurando que estamos a viver uma situação extraordinária, a qual coloca desafios aos quais é necessário dar respostas, a FENPROF entende que as decisões tomadas pelos dirigentes das IES, diferentes de instituição para instituição, e muitas delas mesmo contrárias, não podem pôr em a causa a segurança e a saúde de docentes, investigadores (com contrato de trabalho ou de bolsa), trabalhadores não docentes e estudantes, bem como das comunidades envolventes que com eles interagem.

Leia aqui a notícia completa.

Privacidade

Está em... Home Políticas Sociais Reabertura Presencial do Ensino Superior e Investigação Tem de Respeitar a Segurança Sanitária, a Saúde Pública, as Leis e a Equidade